4 de junho de 2014

CPTM adota opearação especial para greve do Metrô

Com a confirmação da paralisação dos funcionários do Metrô, nesta quinta-feira [5/6], a CPTM adotará no início da operação comercial - às 4 horas da manhã - uma série de medidas para atender ao possível aumento da demanda:

- os trens circularão com menor intervalo, em todas as linhas, além dos horários considerados de pico, durante a manhã e também à tarde, caso os metroviários não retomem suas atividades durante o dia.

- A estação Corinthians-Itaquera da CPTM estará FECHADA para embarque e desembarque enquanto durar a greve. Portanto, os trens do Expresso Leste não farão parada nessa estação.

- A CPTM já solicitou a SPTrans a alteração do itinerário dos ônibus com destino à Corinthians-Itaquera, de forma a redistribuir os coletivos nas demais estações, visando equalizar o fluxo de usuários. 

- A operação da Linha 7-Rubi [Luz - Francisco Morato] será estendida até a Estação Brás.

- Haverá reforço no contingente de segurança nas estações.

- A integração com o Metrô nas estações de transferência [Palmeira-Barra Funda, Brás, Tamanduateí, Santo Amaro, Tatuapé e Luz - só para a Linha 1-Azul] ficará fechada até que se inicie a circulação dos trens. A integração com a Linha 4-Amarela, nas estações Pinheiros e Luz, funcionará normalmente.

- Para evitar o acúmulo nas plataformas, será adotado controle de fluxo de usuários nas estações mais movimentadas.

- A CPTM afixará cartazes com orientações na entrada das estações de transferência entre CPTM e Metrô. Também serão emitidos AP [avisos públicos] nos trens e estações.

Mais informações poderão ser obtidas no Serviço de Atendimento ao Usuário, telefone 0800 055 0121, que funciona 24 horas.

CPTM

RESPONSABILIDADE

As notícias veiculadas acima, na forma de clipping, são acompanhadas dos respectivos créditos quanto ao veículo e ao autor, não sendo de responsabilidade do blog Diário da CPTM.