12 de junho de 2013

Funcionários da CPTM decretam greve por tempo indeterminado

Em assembleia realizada na noite desta quarta-feira (12), os funcionários da CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos) decretaram greve por tempo indeterminado. A paralisação começa à 0h desta quinta-feira (13).
A categoria reivindica reajuste de 6,77% (equivalente à inflação do período), 5% de aumento real, pagamento de vale alimentação de R$ 200, vale refeição composto por 24 cotas de R$ 25, e adicional de risco de vida de 30% ao pessoal que trabalha em estações.
Comentários
3 Comentários

3 comentários:

Fernando disse...

Libera a catraca aí.!

Anônimo disse...

...interessante sempre depois de aumentarem o ônibus, fazem isto... não q não possam buscar aumento...mas q é forma de aumentar as passagens é...

Anônimo disse...

Acho que esta na hora da população fazer greve também. Andar em um dos transportes públicos com a tarifa mais cara do mundo e ser carregado, como somos, já é motivo de sobra. Não tiro a razão dos funcionários de lutar por melhor remuneração, mas vamos combinar que a população sempre paga o preço. Quando não tem greve o serviço é uma porcaria, concordo que falta investimento do governo, mas nem mandar um metrô vazio intercalado nas estações de maior fluxo a companhia não faz, os ares condicionados nunca funcionam em dia de calor, e no frio quase matam a gente congelado. Ta faltando também uma prestação de serviço que valha a pena esse inferno nos dias de paralisação. Já peguei 3 linhas de metrô por dia, posso dizer com certeza, em dias normais todo dia uma delas não funciona direito. Não entendo como pode parar a linha se as pessoas que usam o serviço são praticamente as mesmas, o local de trabalho não muda de lugar a cada dia. Se o aumento do fluxo for por conta das pessoas que deixam de usar o carro, então que haja um planejamento melhor p/ suportar esse aumento nesses dias.

As notícias veiculadas acima, na forma de clipping, são acompanhadas dos respectivos créditos quanto ao veículo e ao autor, não sendo de responsabilidade do blog Diário da CPTM.
Observações:

  • Último trem do terminal de Jundiaí para Francisco Morato tem partida programada às 23h30.
  • A transferência entre linhas é garantida desde que o usuário esteja em sua última estação de transferência até as 00h. Para mais informações, confira o Regulamento de Viagem. ​​​​
De domingo a 6ª feira, das 4h à meia-noite, e aos sábados das 4h à 1h (sentido único, do centro de São Paulo para os bairros e municípios da Região Metropolitana).