17 de fevereiro de 2017

Obras alteram circulação dos trens neste fim de semana

Compartilhe
Confira a programação e antecipe sua viagem


Neste final de semana, dias 18 e 19 de fevereiro, a CPTM prosseguirá com as obras em algumas de suas linhas. Por isso, os trens circularão com maiores intervalos em trechos e horários específicos. Confira a programação e planeje sua viagem:

Linha 7-Rubi (Luz – Francisco Morato)

Domingo: das 4h à meia-noite, serão realizadas obras de modernização no sistema de rede aérea entre as estações Franco da Rocha e Francisco Morato. O intervalo médio dos trens entre as estações Luz e Francisco Morato será de 24 minutos.


Linha 8-Diamante (Júlio Prestes – Itapevi)
                                        
Domingo:  das 7h às 17h, em razão das obras de modernização das estações Jardim Silveira e Jardim Belval, o intervalo médio dos trens entre as estações Carapicuíba e Itapevi será de 20 minutos.


Linha 9-Esmeralda (Osasco – Grajaú)

Domingo: das 4h à meia-noite, haverá intervenções no sistema de rede aérea entre as estações Vila Olímpia e Granja Julieta. Das 9h às 19h, o intervalo médio dos trens será de 30 minutos em toda a linha. Nos demais horários, o intervalo será de 25 minutos.  


Linha 10-Turquesa (Brás – Rio Grande da Serra)

Domingo: das 7h às 18h, ocorrerão serviços nos equipamentos de via permanente entre as estações Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra. O intervalo médio dos trens entre as estações Mauá e Rio Grande da Serra será de 20 minutos. 


Linha 11-Coral – Extensão (Guaianases – Estudantes)

Domingo: das 4h à meia-noite, serão realizadas intervenções no sistema de rede aérea entre as estações Guaianases e Ferraz de Vasconcelos. O intervalo médio dos trens será de 22 minutos entre as estações Guaianases e Estudantes.


Linha 12-Safira (Brás – Calmon Viana)

Sábado e Domingo: das 20h de sábado até o fim da operação de domingo, estão programadas obras de modernização nos equipamentos de via permanente, no sistema de rede aérea e de implantação da Linha 13-Jade entre as estações Engenheiro Goulart e Comendador Ermelino. O intervalo médio dos trens em toda a linha será de 35 minutos.

Desafio: a CPTM ressalta que executar as obras de modernização, mantendo simultaneamente o atendimento aos usuários, é um grande desafio. As ações exigem medidas como promover intervenções em horários de menor movimentação de passageiros aos finais de semana, feriados e madrugadas.

Fim do horário de verão: os trens vão operar por uma hora a mais de sábado (18) para domingo (19), quando os relógios serão atrasados em uma hora. Com a mudança de horário, os passageiros poderão embarcar até a 1h do novo horário, na madrugada de domingo.

Em caso de dúvidas ou informações complementares, a CPTM coloca à disposição o Serviço de Atendimento ao Usuário: 0800 055 0121.


CPTM – Companhia Paulista de Trens Metropolitanos

Estação Júlio Prestes recebe locomotiva histórica

Compartilhe
Exposição homenageia os 150 anos da São Paulo Railway, primeira ferrovia paulista, e os 25 anos da CPTM


Para os amantes da ferrovia, o final de semana em São Paulo será bem animado. A partir desde sábado (18), das 9h às 17h, a Estação Júlio Prestes, na Linha 8-Diamante, receberá a histórica locomotiva Berkshire.

A composição ficará exposta na plataforma 3, acompanhada de um carro de madeira (vagão) que estará aberto à visitação. Além de fotografar a locomotiva, os usuários poderão conferir a exposição sobre a história da ferrovia montada na plataforma e também entrar no carro de madeira. Monitores orientarão o público durante a visitação.

A exposição é resultado de uma parceria entre a CPTM e a ABPF (Associação Brasileira de Preservação Ferroviária), para as comemorações dos 150 anos da primeira ferrovia de São Paulo e dos 25 anos da CPTM.

A locomotiva permanecerá na Estação Júlio Prestes até o dia 26 de fevereiro, sempre das 9h às 17h, na plataforma 3, área paga da estação.

Locomotiva Berkshire

A locomotiva de rodagem 2-8-4T, conhecida também como “Berkshire”, foi fabricada pela North British Locomotive em 1938, na Escócia. A São Paulo Railway, primeira ferrovia do Estado de São Paulo, possuía 30 locomotivas deste modelo classificada como “Classe J”. Originalmente as composições usavam carvão e lenha como combustível. No final dos anos 1940, algumas unidades foram convertidas para queima de óleo combustível.

Em 1956, os modelos 2-8-4T foram aposentados. A locomotiva nº 91, modelo exibido na Estação Júlio Prestes, sobreviveu por ter sido usada como caldeira geradora de vapor nas oficinas da Lapa. Trata-se do único exemplar a vapor convencional, adquirido pela SPR no século XX, e que foi preservado.

São Paulo Railway

A São Paulo Railway Company (SPR) foi a primeira ferrovia construída em São Paulo e sua inauguração aconteceu em 1867. A ferrovia, com 159 km, ligava os municípios de Santos e Jundiaí, tendo como ponto de passagem a cidade de São Paulo. A linha férrea cruzava cidades como Cubatão, Paranapiacaba, Rio Grande da Serra, Ribeirão Pires, Mauá, Santo André e São Caetano do Sul até chegar à capital paulista. 

Em 1992, a linha foi dividida e coube a CPTM administrar os trechos Luz – Jundiaí, pela Linha 7-Rubi (antiga Linha A), e Brás – Rio Grande da Serra, pela Linha 10-Turquesa (antiga Linha D). As duas linhas também são utilizadas pelo Expresso Turístico que oferece viagens para Jundiaí e Paranapiacaba. A operação entre Rio Grande da Serra e o Porto de Santos é realizada atualmente pela MRS, que obteve a concessão para a circulação dos trens de carga.

Serviço

Exposição da Locomotiva a vapor Berkshire
Dias: de 18 a 26 de fevereiro
Horário: das 9h às 17h
Local: Estação Júlio Prestes, Linha 8-Diamante

CPTM – Companhia Paulista de Trens Metropolitanos

16 de fevereiro de 2017

CPTM funcionará uma hora a mais com o fim do horário de verão

Compartilhe
Neste final de semana, em razão do fim do horário de verão, a CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos) irá operar por uma hora a mais de sábado (18/2) para domingo (19/2), quando os relógios serão atrasados em uma hora.

Com a mudança de horário, os passageiros poderão embarcar até a 1h de domingo (19) do novo horário (2h do horário antigo). No domingo, todas as estações da CPTM reabrem para o público no horário habitual, às 4h.

Para mais informações sobre a operação nas Linhas da CPTM, os usuários têm à disposição, o Serviço de Atendimento ao Usuário (SAU) que atende 24 horas, pelo telefone 0800 055 0121 ou pelo sitewww.cptm.sp.gov.br.


CPTM – Companhia Paulista de Trens Metropolitanos

UNESP e CPTM lançam aplicativo sobre história da ferrovia

Compartilhe
Utilizada pelo Expresso Turístico Jundiaí e Paranapiacaba, a primeira linha de trem de São Paulo completa 150 anos

Em comemoração aos 150 anos da primeira ferrovia de São Paulo, a Unesp em parceria com a CPTM lançará no próximo final de semana, dias 18 e 19, um aplicativo de celular que contará a história ferroviária. Com o novo recurso, os passageiros do Expresso Turístico poderão consultar durante as viagens um mapa on-line, que identificará as estações e as respectivas datas de inauguração.

O aplicativo foi desenvolvido dentro do Projeto Memória Ferroviária, da Unesp (Campus de Rosana, Assis e Bauru), coordenado pelo professor Eduardo Romero de Oliveira. Para explicá-lo, o pesquisador e criador do dispositivo, Ewerton de Moraes, fará uma apresentação no Expresso Turístico Jundiaí neste sábado, dia 18, e na viagem para Paranapiacaba no domingo, dia 19.

Os amantes da história da ferrovia também terão a oportunidade de conhecer a maquete da Estrada de Ferro Santos - Jundiaí, com elementos urbanos e rurais, a Vila de Paranapiacaba e casas padrão SPR, além da primeira locomotiva da São Paulo Railway que também compõe a maquete e ficará exposta na Estação da Luz, neste sábado, das 8h às 16h.

Batizado como “SPR 150”, o aplicativo homenageia a São Paulo Railway, companhia inglesa que operava a linha Santos – Jundiaí. Em 1992, a linha foi dividida e coube a CPTM administrar os trechos Luz – Jundiaí, pela Linha 7-Rubi (antiga Linha A), e Brás – Rio Grande da Serra, pela Linha 10-Turquesa (antiga Linha D). As duas linhas também são utilizadas pelo Expresso Turístico que oferece viagens para Jundiaí, pela Linha 7, e Paranapiacaba, pela Linha 10. A operação entre Rio Grande da Serra e o Porto de Santos é realizada pela MRS, que obteve a concessão para a circulação dos trens de carga.

Para baixar o programa, é preciso ter um celular Android e acessar o link https://drive.google.com/file/d/0B5E7KbB6rUn7Y1I5eVZTdGVJLUk/view?usp=sharing ou o QR Code na imagem abaixo.


Olhares sobre os Trilhos

Quem viajar no Expresso Turístico Jundiaí neste sábado poderá aproveitar para visitar a mostra fotográfica “Olhares sobre os trilhos”, no Complexo Fepasa localizado no município. Com curadoria de João Kúlcsar, a exposição reúne 36 imagens dos fotógrafos Cristiano Mascaro, Márcio Scavone, Roberto Linsker, Marlene Bérgamo e Márcio Scavone entre outros profissionais da Cia. de Fotos. A mostra fotográfica ficará em cartaz de 17 a 24 de fevereiro. 




Serviço

Lançamento aplicativo SPR 150
Data: 18/2, sábado (Expresso Turístico Jundiaí) e 19/2, domingo (Expresso Turístico Paranapiacaba)
Embarque sábado e domingo: às 8h30 na plataforma 4 da Estação da Luz
Retorno sábado: às 16h30 na plataforma da Estação Jundiaí
Retorno domingo: às 16h30 na plataforma de Paranapiacaba
Preço: R$ 45 (ida e volta). Os descontos podem chegar até 50% na compra de 4 passagens.

Maquete: 150 anos da SPR
Data: 18 de fevereiro
Horário: das 8h às 16h
Local: Saguão principal da Estação da Luz
Grátis

Exposição Olhares sobre os Trilhos
Data: de 17 a 24 de fevereiro
Horário: de terça-feira a sexta-feira, das 9h às 17h; aos sábados, das 9h às 13h
Local: Complexo Fepasa
End. Av. União dos Ferroviários, 1760 – Jundiaí
Grátis


CPTM – Companhia Paulista de Trens Metropolitanos

11 de fevereiro de 2017

Estações Luz e República da L4 estarão fechadas neste domingo (12)

Compartilhe
Os passageiros devem ficar atentos a mudanças na operação da Linha 4-Amarela neste domingo, dia 12. As estações Luz e República estarão fechadas para embarque e desembarque durante toda a operação comercial (4h40 à meia-noite). 

A restrição operacional ocorrerá para execução de obras na futura estação Higienópolis-Mackenzie, sob responsabilidade da Companhia do Metropolitano de São Paulo – Metrô.  

Os passageiros poderão utilizar o próprio sistema metroviário para realizar seus trajetos. Os usuários que entrarem nas estações Butantã, Pinheiros, Faria Lima e Fradique Coutinho com destino às estações República e Luz devem desembarcar em Paulista e seguir viagem usando a integração com a Linha 2-Verde do Metrô. 

Na estação Luz os passageiros devem utilizar a integração com a Linha 1-Azul do Metrô. Quem estiver na estação República pode fazer a transferência para a Linha 3-Vermelha do Metrô para prosseguir sua viagem pelo sistema. As estações República (Linha 3-Vermelha) e Luz (Linha 1-Azul) do Metrô funcionam normalmente.  

Com a operação diferenciada deste domingo, a orientação aos usuários será reforçada em toda a Linha 4-Amarela com cartazes, mensagens sonoras e veiculação de informações nos monitores de TV das estações, plataformas e trens. A equipe de atendimento também está preparada para auxiliar os usuários nos deslocamentos, minimizar os impactos das mudanças e garantir a segurança.

Informações adicionais podem ser obtidas na Central de Atendimento (0800 770 7100), de segunda a sexta-feira, das 6h30 às 22h, sábado e domingo, das 8h às 18h. Outros canais de comunicação também estão à disposição, como a Ouvidoria (ouvidoria@viaquatro.com.br) e o Fale Conosco no link http://www.viaquatro.com.br/fale-conosco.
As notícias veiculadas acima, na forma de clipping, são acompanhadas dos respectivos créditos quanto ao veículo e ao autor, não sendo de responsabilidade do blog Diário da CPTM.
Observações:

  • Último trem do terminal de Jundiaí para Francisco Morato tem partida programada às 23h30.
  • A transferência entre linhas é garantida desde que o usuário esteja em sua última estação de transferência até as 00h. Para mais informações, confira o Regulamento de Viagem. ​​​​
De domingo a 6ª feira, das 4h à meia-noite, e aos sábados das 4h à 1h (sentido único, do centro de São Paulo para os bairros e municípios da Região Metropolitana).