29 de maio de 2014

Estações do metrô de São Paulo 'somem' em guia para turistas da PM

Uma cartilha feita pela Polícia Militar para turistas que vierem para São Paulo na Copa contém um mapa do metrô desatualizado, que aponta obras em estações já prontas e foi extraído de um blog de design na internet.

No guia, por exemplo, a linha 4-amarela ainda está em construção, apesar de ter sido inaugurada quatro anos atrás e hoje ter seis estações. Localizada em áreas de grande concentração de hotéis, por ela passam 650 mil passageiros por dia útil.

Foram impressos cerca de 300 mil exemplares da cartilha, elaborada para informar dicas de segurança para turistas do Brasil e de fora, em português, inglês e espanhol.

A Folha identificou ao menos dez equívocos que podem confundir o passageiro. Não aparecem estações de metrô e trem abertas desde 2006, como a Chácara Klabin, que pertence à linha 2-verde.

As linhas da CPTM são chamadas pelos nomes antigos –em 2008, o governo alterou a nomenclatura para aproximá-la do metrô e facilitar a integração. Mas, no mapa reproduzido na cartilha, a linha 7-rubi ainda é linha A.

Um trecho do corredor de ônibus ABD, que liga a zona sul da capital ao ABC e funciona desde 2010, também aparece em obras. O ponto final está errado –consta a estação Berrini, em vez da Morumbi.
O mapa foi copiado do blog "Choco la Design", voltado a estudantes e publicitários.

"O mapa foi publicado em um post de 2011 sobre design, ao lado de outros mapas. Foi só uma referência visual, nunca pensamos em prestar serviço", diz Filipe Fernandes, diretor do site. "Me parece uma trapalhada, nem pediram autorização e agora ainda posso ser culpado por dar informação errada."

O metrô e os trens são os meios recomendados para chegar ao Itaquerão, mas a PM diz que não haverá prejuízo ao turista, pois vai corrigir os guias –que custaram R$ 67 mil– sem gasto extra.

"O mapa era apenas uma informação complementar, não comprometendo o conteúdo principal, que são as dicas de segurança. O problema será reparado com a supressão do conteúdo inserido de maneira equivocada."

As cartilhas foram apresentadas na última quarta-feira (28), durante a divulgação do plano da polícia para a Copa. Foram criados três batalhões específicos para o evento, o que vai reforçar o efetivo da capital em 4.500 homens.

Eles ficarão somente com a segurança de eventos relacionados ao Mundial, como jogos e treinos. As manifestações serão acompanhadas pelo efetivo já existente na cidade (cerca de 17 mil PMs).

ANDRÉ MONTEIRO
DE SÃO PAULO

Comentários
0 Comentários
As notícias veiculadas acima, na forma de clipping, são acompanhadas dos respectivos créditos quanto ao veículo e ao autor, não sendo de responsabilidade do blog Diário da CPTM.
Observações:

  • Último trem do terminal de Jundiaí para Francisco Morato tem partida programada às 23h30.
  • A transferência entre linhas é garantida desde que o usuário esteja em sua última estação de transferência até as 00h. Para mais informações, confira o Regulamento de Viagem. ​​​​
De domingo a 6ª feira, das 4h à meia-noite, e aos sábados das 4h à 1h (sentido único, do centro de São Paulo para os bairros e municípios da Região Metropolitana).