31 de julho de 2014

Acusado de obrigar jovens a pular de trem é condenado a 26 anos de prisão

O jovem Danilo Gimenez Ramos, um dos acusados de obrigar dois rapazes a pular de um trem em movimento, em 2003, em Mogi das Cruzes (SP), foi condenado na noite desta quarta-feira (30) a 26 anos, oito meses e 25 dias de reclusão. Ele ainda poderá recorrer da sentença em liberdade.

 

Ramos era acusado da morte de Cleiton da Silva Leite e da tentativa de homicídio de outro rapaz, Flávio Cordeiro. Segundo a acusação, Cleiton e o amigo Flávio se jogaram de um trem após serem ameaçados pelo réu e outros dois jovens. Os agressores foram apontados como skinheads e teriam implicado com os rapazes porque eles vestiam blusas de bandas de punk. Cleiton, então com 20 anos, morreu após a queda, enquanto Flávio, de 15 anos, perdeu o braço.

 

Além de Ramos, os outros dois acusados também foram condenados pelos crimes. Juliano Aparecido Freitas foi condenado em maio de 2011 a 24 anos e 6 meses de prisão, e Vinicius Parizatto a 31 anos de prisão.

 

A polícia identificou os três após a divulgação de imagens, captadas pelo circuito de segurança da CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos), que flagrou o momento da queda das vítimas, assim como embarque e desembarque dos três acusados.

 

(Com informações da Folha de S.Paulo)

Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

As notícias veiculadas acima, na forma de clipping, são acompanhadas dos respectivos créditos quanto ao veículo e ao autor, não sendo de responsabilidade do blog Diário da CPTM.
Observações:

  • Último trem do terminal de Jundiaí para Francisco Morato tem partida programada às 23h30.
  • A transferência entre linhas é garantida desde que o usuário esteja em sua última estação de transferência até as 00h. Para mais informações, confira o Regulamento de Viagem. ​​​​
De domingo a 6ª feira, das 4h à meia-noite, e aos sábados das 4h à 1h (sentido único, do centro de São Paulo para os bairros e municípios da Região Metropolitana).