13 de março de 2017

'Poderia ter sido pior', diz passageira que levou pedrada em trem da CPTM

Vigilante foi atingida por pedra de 1,5 kg em Campo Limpo Paulista.
CPTM diz que lamenta vandalismo e vai colaborar com as investigações.

A Polícia Civil de Campo Limpo Paulista (SP) investiga o caso de uma passageira que foi atingida por uma pedra dentro de um trem da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM), que faz a linha 7 Rubi, que liga Jundiaí a São Paulo, na última sexta-feira (10). Maria Rosana dos Santos, de 36 anos, teve um grave ferimento no olho e deve passar por cirurgia.

A mulher foi atingida por uma pedra grande que pesa pouco mais de 1,5 quilo. "A pedra bateu na janela e fez um barulho. Na hora do impacto, eu fiquei meio desorientada e levantei. Fiquei desnorteada. Poderia ter sido pior se a pedra tivesse pegado mais atrás da cabeça, como na nuca, por exemplo. Se fosse assim, hoje eu não estaria nem aqui”, diz a vigilante.

Em nota, a CPTM informou que lamenta a ação de vandalismo e que esse ataque também colocou em risco a vida do maquinista e dos outros passageiros, além dos danos ao patrimônio público. A companhia diz que está prestando assistência para a vigilante e informou que vai colaborar com a polícia na investigação.
Maria Rosana, que trabalha em São Paulo e pega o trem três vezes por semana, foi medicada no hospital de Campo Limpo Paulista e depois levada para um hospital particular em São Paulo. Os exames apontaram três fraturas no nariz e a cirurgia deve ser feita após os cinco dias de licença médica. Ela afirma que está abalada e com medo.

Pedrada em túnel

Maria lembra que foi atingida quando o trem estava dentro de um túnel, o que reduz as chances de alguém ter arremessado a pedra. Para ela e também para um funcionário da CPTM, um pedaço do teto pode ter caído.

Mais perto do local do acidente, em Francisco Morato, uma equipe foi vista fazendo manutenção na linha. Como não é possível chegar a pé até o túnel, só depois que a ocorrência for registrada na polícia pode ser feita uma perícia para determinar como aconteceu o acidente.

Denúncias que possam ajudar a identificar os vândalos podem ser feitas para a polícia pelo 190 ou para a CPTM pelo telefone (11) 97150-4949.


http://g1.globo.com/sao-paulo/sorocaba-jundiai/noticia/2017/03/poderia-ter-sido-pior-diz-passageira-que-levou-pedrada-em-trem-da-cptm.html
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

As notícias veiculadas acima, na forma de clipping, são acompanhadas dos respectivos créditos quanto ao veículo e ao autor, não sendo de responsabilidade do blog Diário da CPTM.
Observações:

  • Último trem do terminal de Jundiaí para Francisco Morato tem partida programada às 23h30.
  • A transferência entre linhas é garantida desde que o usuário esteja em sua última estação de transferência até as 00h. Para mais informações, confira o Regulamento de Viagem. ​​​​
De domingo a 6ª feira, das 4h à meia-noite, e aos sábados das 4h à 1h (sentido único, do centro de São Paulo para os bairros e municípios da Região Metropolitana).

Apartamento em Francisco Morato finaciado pela Caixa

Apartamento em Francisco Morato finaciado pela Caixa
ÚNICO DA REGIÃO ENTREGUE TOTALMENTE ACABADO, COM PISO EM TODAS AS ÁREAS ✅ ESCRITURA GRÁTIS! 💥 APARTAMENTOS LOCALIZADOS A 1,8 KM DA ESTAÇÃO BALTAZAR FIDÉLIS 💥 Se você: ✅ Trabalha registrado ✅ Possui renda familiar de R$ 2200 ou mais ✅ Possuis FGTS Não perca mais tempo, saiba que você possui um excelente potencial de financiamento e não pode deixar essa oportunidade escapar! SUA OPORTUNIDADE CHEGOU ✅ 1 Vaga ✅ Condomínio com portaria 24hs. ✅ Piscina ✅ Salão de Festas ✅ Churrasqueira ✅ Quadra ✅ Playground ✅ Plantas de 46 e 46 M². O único da região que entrega totalmente acabado e pronto para morar ***Use seu FGTS *** Financiamento Caixa Econômica Federal *** Entrega garantida pela Caixa prevista para maio de 2019. Localização Município: Francisco Morato CEP do imóvel: 07996-005 Bairro: Res São Luis VISITAS SOMENTE COM AGENDAMENTO PRÉVIO Fale com agora mesmo no telefone ou WhatsApp com: RICARDO - 11-987405205