28 de novembro de 2016

A maneira de como você senta no trem fala muito de sua personalidade

Segundo alguns especialistas, a maneira de como você senta no trem indica sua personalidade. Veja na matéria!

É comum associar algumas características de uma pessoa com sua personalidade. No Japão, há estudos que apontam o tipo de sangue com a personalidade, e até o tamanho dos dedos com o tipo de pessoa.

Mas um estudo novo compara a forma de sentar no trem com a personalidade. Será que funciona?

Quando há bancos vagos, onde você senta? Especialistas e consultores especializados em psicologia dizem que o jeito e o lugar que você senta no trem indicam muito sobre você. Aliás, isso é feito de uma maneira muito nítida! Veja abaixo alguns exemplos.

Amante do famoso “cantinho”

Você possui uma personalidade propícia a admirar pessoas com ideias insanas e tipos diferentes do seu, porém, ao mesmo tempo, você é uma pessoa que tem aversão a outras facilmente.

O senhor “só sento no meio”

As pessoas que sentam abertamente no meio desde o início, possuem uma personalidade aberta e mostram claramente que não se importam com a distância em relação aos outros.

Entre o meio e o canto

Aqueles que gostam desse lugar, são pessoas prodígios na perseverança. Fala-se que é o tipo “estudante prodígio” que sempre vence com muito esforço.

Fica em pé mesmo com assentos vagos

São pessoas que permanecem em seus caminhos próprios e são bastante pacientes. Geralmente são supersticiosos e específicas. Possuem tendência a traçar uma reta entre elas e os outros e tendem a estabelecer uma distância.

Cruza as pernas inconscientemente

São pessoas sonhadoras ou até românticas em excesso. É o tipo de pessoa que acredita no príncipe do cavalo branco e ficam entusiasmadas com histórias para adolescentes e de juventude.

Abre muito as pernas

Possui segurança em si mesmo e tenta mostrar isso para as pessoas ao redor. Possui o desejo de fazer os outros obedecerem ao exibir sua própria força.

O tipo “pressionado” que fica no cantinho ao lado da porta

É uma pessoa com pavio curto e dificilmente consegue realizar uma consideração cuidadosa e tem pressa para trabalhar. Geralmente comete muitos erros no trabalho.

Na porção central dos assentos

Você, que fica nesse lugar apenas para ver se há a possibilidade de conseguir um assento, é o tipo de pessoa que não faz concessões nem no amor. Tende a visar grandes “presas” como pessoas bonitas e investir em ações altamente promissoras e disputadas.

Na frente dos assentos perto das portas

Basicamente são passivas, mas se a conversa estiver boa, elas pensam em interagir mais. Não pensa em mudar de emprego por conta própria, porém se um amigo oferecer, possui a tendência de aceitar. É provável que continue a mudar de emprego mesmo depois disso.

Gosta de se apoiar na porta de ligação

Procura ter um coração mais estabilizado. É comum procurar um lugar silencioso para ficar.

Existem também diferentes maneiras de matar o tempo&nbspA maneira de como você senta no trem fala muito de sua personalidade

Ouvir música

Este tipo de pessoa se isola interiormente e é ingênua. Não é muito habilidoso em se comunicar diretamente com os outros, mas possui um lado solitário.

Gosta de passar o tempo no trem

São pessoas que odeiam o tempo ocioso e estão sempre fazendo alguma coisa. Porém, como há falta de planejamento em certos pontos, atrasa-se para compromissos facilmente e gasta dinheiro por impulso, sem pensar muito no futuro. É desleixado em certo aspectos.

Dorme com os braços cruzados

Ao cruzar os braços, você está claramente mostrando uma tentativa de proteger seu corpo e se sentir seguro. É uma óbvia tentativa de se proteger psicologicamente das outras pessoas estranhas dentro do trem.

Convide um amigo ou um familiar e analise suas características. Será que estas análises de especialistas estão certas?

Fonte: Matome Naver
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

As notícias veiculadas acima, na forma de clipping, são acompanhadas dos respectivos créditos quanto ao veículo e ao autor, não sendo de responsabilidade do blog Diário da CPTM.
Observações:

  • Último trem do terminal de Jundiaí para Francisco Morato tem partida programada às 23h30.
  • A transferência entre linhas é garantida desde que o usuário esteja em sua última estação de transferência até as 00h. Para mais informações, confira o Regulamento de Viagem. ​​​​
De domingo a 6ª feira, das 4h à meia-noite, e aos sábados das 4h à 1h (sentido único, do centro de São Paulo para os bairros e municípios da Região Metropolitana).