9 de julho de 2015

Furto de fios causa lentidão na circulação de trens em Mogi

Furto afetou trecho entre as estações de Jundiapeba e Brás Cubas.
Segundo CPTM, foram furtados 36 metros de cabos.

Uma ocorrência de furto de 360 metros de fios entre as estações Jundiapeba e Brás Cubas, na Linha 11-Coral (Luz-Guaianases), causou lentidão na circulação de trens nesse trecho, conforme informou a Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM).  De acordo com a companhia, a manutenção foi acionada. O problema foi registrado ontem (08/07), entre 12h30 e 16h.

A CPTM informou que registrou boletim de ocorrência. Segundo a CPTM, além de gerar atrasos nos trens e interrupção da circulação em determinados casos, este tipo de ação criminosa prejudica milhares de usuários. Outro ponto a ser considerado, segundo a CPTM, é que essa prática pode provocar acidentes que, em virtude das características do transporte ferroviário, são potencialmente perigosos.

Com o objetivo de reduzir as ocorrências de vandalismo e furtos de cabos em sua faixa de domínio, a CPTM mantém uma parceria com a 3ª Delegacia Especializada em Furtos de Fios, do DEIC (Departamento de Investigações sobre o Crime Organizado), com o intuito de identificar e prender autores e receptadores desse material.

G1
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

As notícias veiculadas acima, na forma de clipping, são acompanhadas dos respectivos créditos quanto ao veículo e ao autor, não sendo de responsabilidade do blog Diário da CPTM.
Observações:

  • Último trem do terminal de Jundiaí para Francisco Morato tem partida programada às 23h30.
  • A transferência entre linhas é garantida desde que o usuário esteja em sua última estação de transferência até as 00h. Para mais informações, confira o Regulamento de Viagem. ​​​​
De domingo a 6ª feira, das 4h à meia-noite, e aos sábados das 4h à 1h (sentido único, do centro de São Paulo para os bairros e municípios da Região Metropolitana).