8 de janeiro de 2015

Trem da CPTM atropela e mata homem na Grande SP

Vítima passou a noite bebendo com amigos nos trilhos da Linha 7-Rubi, em Francisco Morato, quando foi atingida; ajudante de eletricista de 22 anos está internado

 

Um homem de 22 anos morreu após ser atropelado por um trem, na manhã de hoje, 8, na Linha 7-Rubi da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM), entre as estações Francisco Morato, na Grande São Paulo, e Botujuru, em Campo Limpo Paulista, no interior.

 

Segundo a Polícia Civil, a vítima estava caminhando com outros dois amigos, quando foi atingida por uma composição, por volta das 6h30. Um ajudante de eletricista de 32 anos ficou ferido e foi levado pelo Corpo de Bombeiros para o Hospital Estadual de Francisco Morato.

 

De acordo com a polícia, os dois sobreviventes afirmaram que passaram a madrugada bebendo sobre a linha férrea e resolveram voltar para suas casas, andando sobre os trilhos. Um trem que seguia no sentido Jundiaí, também no interior, se aproximou do trio. Um dos sobreviventes, um homem de 27 anos, conseguiu ver a composição se aproximar, avisou os amigos, mas já era tarde demais.

 

A Polícia Civil afirmou que o ajudante de eletricista está internado, mas seu quadro de saúde é estável. De acordo com a CPTM, não houve problemas de circulação pela manhã. Na Linha 7-Rubi, os passageiros que saem de Jundiaí precisam descer na estação Francisco Morato, embarcar em outro trem e seguir a viagem sentido Luz, na região central de São Paulo.

 

Estadão

Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

As notícias veiculadas acima, na forma de clipping, são acompanhadas dos respectivos créditos quanto ao veículo e ao autor, não sendo de responsabilidade do blog Diário da CPTM.
Observações:

  • Último trem do terminal de Jundiaí para Francisco Morato tem partida programada às 23h30.
  • A transferência entre linhas é garantida desde que o usuário esteja em sua última estação de transferência até as 00h. Para mais informações, confira o Regulamento de Viagem. ​​​​
De domingo a 6ª feira, das 4h à meia-noite, e aos sábados das 4h à 1h (sentido único, do centro de São Paulo para os bairros e municípios da Região Metropolitana).