8 de outubro de 2014

Estação Fradique Coutinho já pode ser inaugurada

Após diversos atrasos, Metrô recebeu o último aval necessário para abrir a parada da Linha 4-Amarela

Antes prevista para ser inaugurada no fim de setembro, a estação Fradique Coutinho, da linha 4-Amarela do Metrô, recebeu o último aval que precisava para ser aberta. O governo afirma que a licença ambiental de operação (LAO), emitida pela Companhia Ambiental do Estado de São Paulo, foi publicada na terça-feira (7) no Diário Oficial, apesar de ter sido lançada no dia 30 de setembro.

Trabalhadores que estão com a mão na massa desde 2005 poderão se deleitar com a estação pronta para ser entregue. Mesmo que a gestão de Geraldo Alckmin ainda não tenha uma data exata para o funcionamento pleno, a parada está praticamente pronta. Quem a atravessa dentro dos metrôs pode vê-la concluída, além do lado de fora também estar só esperando o corte de fita.

Inicialmente, a previsão era que a abertura fosse em 2010, mas vários fatores adiaram em 4 anos a entrega. Segundo o Estado de S. Paulo, o Metrô atribuiu a culpa pelo atraso ao desmoronamento do canteiro de obras da Estação Pinheiros, na mesma linha, que ocasionou a morte de 7 pessoas em 2007.

A ViaQuatro, responsável pela operação da Linha 4-Amarela, já vem realizando testes para abrir a estação.

Em andamento/ Fora a Fradique Coutinho, a Linha 4-Amarela do Metrô ainda tem outras 4 estações em andamento: Vila Sônia, São Paulo-Morumbi, Oscar Freire e Higienópolis-Mackenzie.

Fonte: Diário de São Paulo

Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

As notícias veiculadas acima, na forma de clipping, são acompanhadas dos respectivos créditos quanto ao veículo e ao autor, não sendo de responsabilidade do blog Diário da CPTM.
Observações:

  • Último trem do terminal de Jundiaí para Francisco Morato tem partida programada às 23h30.
  • A transferência entre linhas é garantida desde que o usuário esteja em sua última estação de transferência até as 00h. Para mais informações, confira o Regulamento de Viagem. ​​​​
De domingo a 6ª feira, das 4h à meia-noite, e aos sábados das 4h à 1h (sentido único, do centro de São Paulo para os bairros e municípios da Região Metropolitana).