4 de junho de 2014

Funcionários do Metrô podem parar nesta quinta-feira

Os metroviários de São Paulo decidiram na semana passada entrar em greve a partir desta quinta-feira, 5. No entanto, está marcada uma audiência de conciliação do Tribunal Regional do Trabalho da 2ª Região para esta quarta-feira, 4, às 18h.

Após a reunião, a categoria fará uma nova assembleia para apreciar novas propostas que forem apresentadas na ocasião.

Os trabalhadores pedem reajuste de 35,47%, sendo 7,95% referentes à reposição da inflação e 25,5% de aumento real por produtividade. A empresa ofereceu, até o momento, reajuste de 5,2%.

Reivindicações:

- 35,47% de reajuste (7,95% de Inflação + 25,5% de Aumento Real)
- Reajuste de 13,25% para o VR
- VA de R$ 379,80 (hoje o valor é somente de R$ 247,69)
- Plano de Carreira da GMT e GOP
- Metrus Saúde para aposentados
- Reposição do quadro de funcionários

Fonte: Correio Paulista
Comentários
0 Comentários
As notícias veiculadas acima, na forma de clipping, são acompanhadas dos respectivos créditos quanto ao veículo e ao autor, não sendo de responsabilidade do blog Diário da CPTM.
Observações:

  • Último trem do terminal de Jundiaí para Francisco Morato tem partida programada às 23h30.
  • A transferência entre linhas é garantida desde que o usuário esteja em sua última estação de transferência até as 00h. Para mais informações, confira o Regulamento de Viagem. ​​​​
De domingo a 6ª feira, das 4h à meia-noite, e aos sábados das 4h à 1h (sentido único, do centro de São Paulo para os bairros e municípios da Região Metropolitana).