13 de junho de 2014

Demitidos pelo Metrô são ligados a sindicato

Parte dos funcionários integra atual diretoria ou a anterior. Do total, 15 eram operadores
Telegrama recebido pelos 42 funcionários demitidos por justa causa pelo Metrô

 A greve dos metroviários acabou no início desta semana com o saldo de 42 funcionários demitidos por justa causa. Entretanto, a lista é integrada por diversos  membros do sindicato da categoria.

Dos 42 dispensados pelo Metrô, 11 eram seguranças,  15 funcionários de estação, um da manutenção, dois do CCO (Centro do Comando do Metrô) e 13 operadores de trens (quatro da Linha 1-Azul, quatro da Linha 3-Vermelha, cinco da Linha 2-Verde).

Estes funcionários eram atuantes no sindicato. Alguns integravam a diretoria atual que comanda a categoria, outros são ex-diretores e há também delegados sindicais. Segundo um dos metroviários demitidos, que preferiu não ser identificado por temer retaliação, nenhum deles recebeu aviso-prévio do Metrô.

“A empresa não indicou em nenhum momento que essas demissões poderiam acontecer. Nenhum colega cometeu atos de vandalismo”, explicou, citando o motivo do desligamento alegado pela empresa.

O funcionário ainda explicou que, para repor cada operador do Metrô, são necessários três meses de treinamento. “Antes da greve já havia falta de pessoal. As demissões causarão mais prejuízo à prestação dos serviços de transporte”, garantiu.

Governo/ Em resposta às acusações do ex-funcionário, o  Metrô limitou -se a responder por meio de nota que  “as demissões não se basearam no ato de greve, mas em razão de abusos cometidos durante o período”. A empresa não comentou questões como falta de efetivo adequado para o trabalho e excesso de horas extras praticadas por seus funcionários.

Por: Arthur Stabile e Tayguara Ribeiro 
Diário de SP
Comentários
0 Comentários
As notícias veiculadas acima, na forma de clipping, são acompanhadas dos respectivos créditos quanto ao veículo e ao autor, não sendo de responsabilidade do blog Diário da CPTM.
Observações:

  • Último trem do terminal de Jundiaí para Francisco Morato tem partida programada às 23h30.
  • A transferência entre linhas é garantida desde que o usuário esteja em sua última estação de transferência até as 00h. Para mais informações, confira o Regulamento de Viagem. ​​​​
De domingo a 6ª feira, das 4h à meia-noite, e aos sábados das 4h à 1h (sentido único, do centro de São Paulo para os bairros e municípios da Região Metropolitana).

Apartamento em Francisco Morato finaciado pela Caixa

Apartamento em Francisco Morato finaciado pela Caixa
ÚNICO DA REGIÃO ENTREGUE TOTALMENTE ACABADO, COM PISO EM TODAS AS ÁREAS ✅ ESCRITURA GRÁTIS! 💥 APARTAMENTOS LOCALIZADOS A 1,8 KM DA ESTAÇÃO BALTAZAR FIDÉLIS 💥 Se você: ✅ Trabalha registrado ✅ Possui renda familiar de R$ 2200 ou mais ✅ Possuis FGTS Não perca mais tempo, saiba que você possui um excelente potencial de financiamento e não pode deixar essa oportunidade escapar! SUA OPORTUNIDADE CHEGOU ✅ 1 Vaga ✅ Condomínio com portaria 24hs. ✅ Piscina ✅ Salão de Festas ✅ Churrasqueira ✅ Quadra ✅ Playground ✅ Plantas de 46 e 46 M². O único da região que entrega totalmente acabado e pronto para morar ***Use seu FGTS *** Financiamento Caixa Econômica Federal *** Entrega garantida pela Caixa prevista para maio de 2019. Localização Município: Francisco Morato CEP do imóvel: 07996-005 Bairro: Res São Luis VISITAS SOMENTE COM AGENDAMENTO PRÉVIO Fale com agora mesmo no telefone ou WhatsApp com: RICARDO - 11-987405205