10 de maio de 2014

‘Linha nobre’ da CPTM sofre com lotação e atrasos

Média de passageiros em dias úteis cresceu 48,4% no ramal 9-Esmeralda entre 2011 e o ano passado

A Linha 9-Esmeralda da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM), que segue o curso do Rio Pinheiros, teve um aumento de 48,4% na média de passageiros em dia útil entre 2011 e 2013. Com 162.121 usuários a mais, o ramal entre o Grajaú, na zona sul da capital paulista, e Osasco, na Região Metropolitana, foi o que teve o maior crescimento na demanda entre toda a rede metroferroviária controlada por empresas do governo do Estado.

O ramal sempre foi considerada o mais nobre da CPTM. Ele conecta bairros empresariais como Brooklin, Cidade Jardim e Pinheiros. Desde os anos 1990, a linha é utilizada como celeiro de melhorias para a rede. Foi ali, por exemplo, que foram instalados os trens espanhóis, ainda na gestão Mario Covas - que costumava dizer que queria dar "padrão de Metrô" para a linha 9. Em 2008, os passageiros desse trajeto ouviam Mozart, Vivaldi e Chopin no caminho para o trabalho - com muitas reclamações, o projeto de música clássica nos trens acabou descartado.

Mas, hoje, o cenário é de superlotação e de longos intervalos durante os horários de pico. Anteontem, por exemplo, os trens demoravam cerca de 10 minutos para passar nas plataformas das Estações Autódromo e Primavera-Interlagos, embora o prometido seja de 4 a 8 minutos. No Grajaú, os trens ficavam parados, superlotados e sem previsão de saída.

A situação, segundo funcionários da CPTM, "é normal". No entanto, a população reclama do serviço que é prestado diariamente. "Às vezes, fico 30 minutos parada na estação esperando um trem com boas condições para entrar. Eles saem tão lotados do Grajaú que é impossível embarcar nas estações seguintes", afirmou a assistente jurídica Maria Sena, de 42 anos. "É uma falta de respeito ter de pagar para esse tipo de serviço."

Na Estação Grajaú, a plataforma fica tão superlotada que as filas de passageiros para entrar embarcar começam após as catracas. Também há lentidão em alguns trechos, o que aumenta ainda mais os intervalos.

A demanda da 9-Esmeralda vai aumentar ainda mais no ano que vem, quando as Estações Varginha e Mendes, no extremo sul de São Paulo, forem inauguradas. Segundo a CPTM, as duas paradas vão adicionar 120 mil passageiros ao ramal. Em 2010, a linha já havia ganhado mais passageiros com a integração da Linha 4-Amarela do Metrô na Estação Pinheiros.

"Não tem nenhuma surpresa (a forte demanda do ramal). Quem falar que não era previsível está errado, porque foram feitos relatórios e estudos apontando isso (o aumento da demanda após a criação da Linha 4-Amarela)", afirmou o urbanista e consultor de transportes Flamínio Fischmann.

O secretário Estadual de Transportes Metropolitanos, Jurandir Fernandes, afirmou que até o fim do ano os intervalos na Linha 9-Esmeralda serão reduzidos, dos atuais 4 a 8 minutos para 3 a 6 minutos. Segundo o secretário, a linha 9-Esmeralda estará preparada para as novas estações no ano que vem.

Monotrilho

Além da extensão da linha, no ano que vem mais passageiros devem entrar na CPTM. A Secretaria de Estado de Transportes Metropolitanos prevê que em 2015 o monotrilho da Linha 17-Ouro faça a integração com a Estação Morumbi da CPTM.

A Linha 9 também faz integração com a Linha 5-Lilás do Metrô, que liga o Capão Redondo à Estação Adolfo Pinheiro. O governo do Estado chegou a dar descontos para quem pegar o trem fora do horário do pico, justamente para tirar os passageiros do trem e colocá-los no ônibus. Mesmo assim, a 9-Esmeralda só ganha usuários.

Rafael Italiani - O Estado de S. Paulo

As notícias veiculadas acima, na forma de clipping, são acompanhadas dos respectivos créditos quanto ao veículo e ao autor, não sendo de responsabilidade do blog Diário da CPTM. 
Comentários
0 Comentários
As notícias veiculadas acima, na forma de clipping, são acompanhadas dos respectivos créditos quanto ao veículo e ao autor, não sendo de responsabilidade do blog Diário da CPTM.
Observações:

  • Último trem do terminal de Jundiaí para Francisco Morato tem partida programada às 23h30.
  • A transferência entre linhas é garantida desde que o usuário esteja em sua última estação de transferência até as 00h. Para mais informações, confira o Regulamento de Viagem. ​​​​
De domingo a 6ª feira, das 4h à meia-noite, e aos sábados das 4h à 1h (sentido único, do centro de São Paulo para os bairros e municípios da Região Metropolitana).

Apartamento em Francisco Morato finaciado pela Caixa

Apartamento em Francisco Morato finaciado pela Caixa
ÚNICO DA REGIÃO ENTREGUE TOTALMENTE ACABADO, COM PISO EM TODAS AS ÁREAS ✅ ESCRITURA GRÁTIS! 💥 APARTAMENTOS LOCALIZADOS A 1,8 KM DA ESTAÇÃO BALTAZAR FIDÉLIS 💥 Se você: ✅ Trabalha registrado ✅ Possui renda familiar de R$ 2200 ou mais ✅ Possuis FGTS Não perca mais tempo, saiba que você possui um excelente potencial de financiamento e não pode deixar essa oportunidade escapar! SUA OPORTUNIDADE CHEGOU ✅ 1 Vaga ✅ Condomínio com portaria 24hs. ✅ Piscina ✅ Salão de Festas ✅ Churrasqueira ✅ Quadra ✅ Playground ✅ Plantas de 46 e 46 M². O único da região que entrega totalmente acabado e pronto para morar ***Use seu FGTS *** Financiamento Caixa Econômica Federal *** Entrega garantida pela Caixa prevista para maio de 2019. Localização Município: Francisco Morato CEP do imóvel: 07996-005 Bairro: Res São Luis VISITAS SOMENTE COM AGENDAMENTO PRÉVIO Fale com agora mesmo no telefone ou WhatsApp com: RICARDO - 11-987405205