28 de fevereiro de 2014

Polícia prende suspeito de empurrar mulher de plataforma do metrô em SP


A polícia prendeu o suspeito de jogar uma passageira nos trilhos da Estação Sé do Metrô, na terça-feira (25). A informação foi divulgada nesta sexta-feira (28) pelo Bom Dia São Paulo . De acordo com a reportagem, o homem tinha um mandado de prisão contra ele e foi detido em Extrema, em Minas Gerais (MG). 

A auxiliar administrativa Maria da Conceição Oliveira perdeu o braço direito e segue internada na Santa Casa em São Paulo.

Policiais receberam uma denúncia anônima que indicou o endereço na Vila Alpina, na Zona Leste de São Paulo, onde moraria o agressor. Ao chegar ao imóvel, o irmão disse que o suspeito tem 33 anos e saiu de casa nesta quarta-feira (26) com R$ 50 dizendo “que havia feito uma bobagem”. Ao olhar as imagens das câmeras de segurança, o irmão teria confirmado a identidade do suspeito.

Foram localizados nove boletins de ocorrência em que o homem aparece como agressor em outras situações. Segundo as primeiras investigações, ele sofre de esquizofrenia.

A irmã da vítima, a autônoma Ana Lívia de Souza, de 28 anos, falou nesta quinta sobre o caso. "Só Deus sabe o tamanho da minha dor e da minha revolta", afirmou. A família da auxiliar administrativa visitou o hospital na manhã desta quinta-feira (27). Segundo Ana Lívia, a irmã passa bem e está confiante. "Ela disse que foi uma maldade muito grande. Disse que nasceu de novo", conta. Maria não viu a pessoa que a agrediu, mas se lembra de estar ao lado de um homem na plataforma.

Segundo a família, Maria completou 27 anos na terça-feira. Ela e a irmã já haviam comprado um vestido para comemorar a data. "A gente ia comemorar o aniversário mais tarde", afirma Ana Lívia.

Marido de Maria da Conceição, o músico Cleber Luís Ciqueira, de 44 anos, disse que os dois moravam juntos há 5 meses, mas namoravam há 5 anos.

A mãe de Maria da Conceição, Maria das Neves Oliveira, espera uma recuperação rápida da filha. "Ela só fala do braço e que está careca. Sei que vai ser difícil quando ela olhar no espelho e ver como ficou", disse. A mãe disse ter esperança de que o suspeito será preso. "Quero olhar no olho dele e perguntar: 'por que você fez isso?'". Para ela, Maria da Conceição ganhou uma nova vida. "Era o dia do aniversário dela e ela ganhou outra vida. É isto o que está me consolando", diz.

As imagens obtidas pela Polícia Civil mostram que um homem colocou o pé na frente e empurrou Maria da Conceição Oliveira, de 27 anos. “Ele saiu rindo”, disse o delegado da Delegacia Especializada de Atendimento ao Turista, Osvaldo Nico Gonçalves, que apura o caso.

Maria foi jogada poucos instantes antes da passagem de um trem, que seguia sentido Itaquera. Ela perdeu um braço após ser atingida pelo trem. O incidente interrompeu a circulação na Linha 3-Vermelha por 15 minutos. Os trens que seguiam no sentido Corinthians-Itaquera voltaram a circular logo depois da mulher ter sido retirada da via. As plataformas ficaram lotadas.

G1
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

As notícias veiculadas acima, na forma de clipping, são acompanhadas dos respectivos créditos quanto ao veículo e ao autor, não sendo de responsabilidade do blog Diário da CPTM.
Observações:

  • Último trem do terminal de Jundiaí para Francisco Morato tem partida programada às 23h30.
  • A transferência entre linhas é garantida desde que o usuário esteja em sua última estação de transferência até as 00h. Para mais informações, confira o Regulamento de Viagem. ​​​​
De domingo a 6ª feira, das 4h à meia-noite, e aos sábados das 4h à 1h (sentido único, do centro de São Paulo para os bairros e municípios da Região Metropolitana).