16 de agosto de 2013

Após descarrilamento, Metrô de SP retira seis trens de circulação


Passados 11 dias do descarrilamento do vagão de um trem do Metrô de São Paulo, na linha 3-Vermelha, seis composições da série K, a mesma que se acidentou, permanecem fora de circulação. A companhia informou que os trens estão sendo vistoriados e que a liberação gradativa deve acontecer neste fim de semana.
As composições são antigas e passaram recentemente por modernização. A série K foi reformada por um consórcio chamado MTT, que reúne as empresas MPE, TTrans e Temoinsa. Para suprir a falta dos seis trens, a companhia diz que fez a “redistribuição das demais frotas”.
O Metrô ainda esclareceu que uma comissão de segurança da companhia investiga quais foram as causas do acidente. A conclusão deve sair até o começo de setembro. 
R7
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

As notícias veiculadas acima, na forma de clipping, são acompanhadas dos respectivos créditos quanto ao veículo e ao autor, não sendo de responsabilidade do blog Diário da CPTM.
Observações:

  • Último trem do terminal de Jundiaí para Francisco Morato tem partida programada às 23h30.
  • A transferência entre linhas é garantida desde que o usuário esteja em sua última estação de transferência até as 00h. Para mais informações, confira o Regulamento de Viagem. ​​​​
De domingo a 6ª feira, das 4h à meia-noite, e aos sábados das 4h à 1h (sentido único, do centro de São Paulo para os bairros e municípios da Região Metropolitana).