26 de junho de 2013

Câmara aprova convênio com a CPTM para integração em Mauá


 Convênio não envolve custos aos passageiros
Os vereadores de Mauá aprovaram ontem (25), em primeira discussão, o projeto de lei que autoriza a prefeitura firmar convênio com a Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM), para a implementação da integração dos ônibus com os trens.

O projeto propõe a integração das tarifas para os passageiros  entre os serviços de transporte ferroviário metropolitano (trens) e os de transportes coletivos municipais (ônibus) sob gestão da prefeitura. Atualmente, a concessão do transporte de passageiros por ônibus está sob a responsabilidade das empresas Leblon e Cidade de Mauá.

O convênio não envolve investimentos diretos da administração municipal nem custos aos passageiros, uma vez que os equipamentos necessários serão custeados pelas concessionárias que operam o sistema municipal de transporte da cidade.

Os valores da integração são oriundos da passagem paga pelo usuário, e deverão ser acertados por meio da câmara de compensação promovida diretamente entre a CPTM e a empresa que opera o bilhete “Da Hora”. De acordo com o projeto, a integração entre os dois sistemas será garantida a partir das 4 horas da manhã até a meia noite.

Fonte: www.diarioregional.com.br
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

As notícias veiculadas acima, na forma de clipping, são acompanhadas dos respectivos créditos quanto ao veículo e ao autor, não sendo de responsabilidade do blog Diário da CPTM.
Observações:

  • Último trem do terminal de Jundiaí para Francisco Morato tem partida programada às 23h30.
  • A transferência entre linhas é garantida desde que o usuário esteja em sua última estação de transferência até as 00h. Para mais informações, confira o Regulamento de Viagem. ​​​​
De domingo a 6ª feira, das 4h à meia-noite, e aos sábados das 4h à 1h (sentido único, do centro de São Paulo para os bairros e municípios da Região Metropolitana).