31 de maio de 2013

Obras da Estação Suzano e mais 3 da região não têm alvará do Bombeiros

A obra de reconstrução da Estação Suzano, na Linha 11-Coral, da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) - consequentemente a Estação Provisória - não possui alvará do Corpo de Bombeiros. A informação, que consta em um dossiê preparado pelo Sindicato Central dos Ferroviários e que foi entregue ao Ministério Público do Estado (MP-SP), foi confirmada ontem, em nota, pela assessoria de imprensa da companhia.

Para se ter uma ideia da importância do Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros (AVCB), é ele quem atesta que determinado local público possui condições de segurança. A CPTM também foi questionada sobre a situação envolvendo demais obras na região, como nas estações Poá, também na Linha 11-Coral, e Aracaré, na Linha 12-Safira. O parecer foi o mesmo.

Em nota, a companhia diz que "os projetos estão em desenvolvimento e deverão contemplar a norma vigente". A legislação a qual a sociedade de economia mista se refere é de 2011 e trata de sistema contra incêndio. O DS questionou, mas não obteve parecer sobre quando, exatamente, a CPTM pretende entregar a documentação, que terá de passar por análise e os locais, por vistoria.

Em um relatório de avaliação sobre exigência do AVCB que o DS teve acesso consta a falta do alvará também na Estação Ferraz de Vasconcelos, na Linha 11-Coral. O parecer foi formulado pelo Consórcio CGI, responsável pela análise dos contratos da companhia. Inclusive, o grupo atenta que seria de responsabilidade da CPTM constituir a Brigada de Incêndio, assim como outras exigências pertinentes ao auto de vistoria dos Bombeiros. O consórcio também atenta para a necessidade do departamento ferroviário destacar tais responsabilidades nas próximas contratações que fizer.

Fonte: Diário de Suzano ed.: 9527 - 30 de maio de 2013
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

As notícias veiculadas acima, na forma de clipping, são acompanhadas dos respectivos créditos quanto ao veículo e ao autor, não sendo de responsabilidade do blog Diário da CPTM.
Observações:

  • Último trem do terminal de Jundiaí para Francisco Morato tem partida programada às 23h30.
  • A transferência entre linhas é garantida desde que o usuário esteja em sua última estação de transferência até as 00h. Para mais informações, confira o Regulamento de Viagem. ​​​​
De domingo a 6ª feira, das 4h à meia-noite, e aos sábados das 4h à 1h (sentido único, do centro de São Paulo para os bairros e municípios da Região Metropolitana).