17 de abril de 2013

Cartões do bilhete único mensal serão aceitos no Metrô

Ainda falta definir, no entanto, se trens também vão fazer uma única cobrança por mês da passagem

Técnicos do governo do Estado que acompanham a implantação do bilhete único mensal concluíram que o novo cartão poderá ser aceito nos trens do Metrô e da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos.

Falta, agora, o governo tomar a decisão política de adotar, na rede metroferroviára, a cobrança de uma única tarifa, mensal, dentro da rede sobre trilhos da Grande São Paulo.

Para decidir isso, os técnicos precisam avaliar quantas pessoas devem usar os novos bilhetes e quantas vão continuar a comprar os créditos comuns, debitados diariamente, da forma como é feita hoje.

A estimativa do Estado é que de 10% a 20% dos passageiros façam a migração para o bilhete único mensal.

Essa conta é necessária para determinar se será preciso o Estado fazer aporte de subsídios para a operação do metrô e dos trens. Na rede de ônibus, a estimativa é que esse valor chegue a R$ 400 milhões por ano.

O Metrô, historicamente, opera sem aporte de subsídios: o valor pago pelos passageiros consegue sustentar toda a operação. Mas a CPTM precisa de cerca de R$ 500 milhões por ano para manter a passagem no mesmo patamar de metrô e ônibus (com linhas e distâncias maiores, a operação é mais cara).

A expectativa é que a decisão sobre a adoção ou não da cobrança única, mensal, saia até novembro, quando isso vai começar nos ônibus.

Até as 18 horas dessa terça-feira (16), 5.833  pessoas haviam feito cadastro para obter o bilhete único mensal, segundo a SPTrans.

Estadão 
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

As notícias veiculadas acima, na forma de clipping, são acompanhadas dos respectivos créditos quanto ao veículo e ao autor, não sendo de responsabilidade do blog Diário da CPTM.
Observações:

  • Último trem do terminal de Jundiaí para Francisco Morato tem partida programada às 23h30.
  • A transferência entre linhas é garantida desde que o usuário esteja em sua última estação de transferência até as 00h. Para mais informações, confira o Regulamento de Viagem. ​​​​
De domingo a 6ª feira, das 4h à meia-noite, e aos sábados das 4h à 1h (sentido único, do centro de São Paulo para os bairros e municípios da Região Metropolitana).