18 de abril de 2013

Após morte, polícia defende barreiras de contenção na CPTM

Delegado defendeu a medida depois da morte de um adolescente, na última terça-feira, que caiu no vão entre trem e plataforma em SP

Da Redação, com Rádio Bandeirantes

A Polícia Civil defendeu, nesta quinta-feira, a instalação de barreiras de contenção nas plataformas de trens da CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos). Segundo o órgão, a ação impediria acidentes e mortes. Um garoto de 15 anos morreu, na última terça-feira, quando iria embarcar na Linha 12-Safira, na estação Brás.

O caso aconteceu por volta das 17h30, sentido Calmon Viana. Segundo o boletim de ocorrências, Leonardo Souza Silva estava pronto para embarcar, quando caiu no vão da plataforma.

O delegado José Navarro diz que investiga se a estação estava com acúmulo de passageiros e se o jovem foi empurrado por usuários que queriam entrar no trem. Porém, ele ressalta que se houvesse barreiras de impedimento no embarque, semelhantes às existentes no Metrô, o acidente teria sido evitado.

A policia aguarda as imagens solicitadas à CPTM e o resultado dos laudos da perícia para obter detalhes sobre o ocorrido. O delegado José Navarro diz que vai ouvir também familiares e amigos para saber se o garoto poderia ter sido vitima de brincadeiras.

A CPTM informou que também realiza uma investigação para obter informações sobre um possível tumulto no embarque ou imprudência do garoto. A companhia reiterou que prestou todo atendimento necessário à vítima no momento do acidente.

Em relação aos bloqueios na plataforma, a empresa diz que já estuda a viabilidade de instalação onde é necessário este tipo de barreira.

Fonte: Band



As notícias veiculadas acima, na forma de clipping, são acompanhadas dos respectivos créditos quanto ao veículo e ao autor, não sendo de responsabilidade do Blog Diário da CPTM
Comentários
35 Comentários

35 comentários:

Anônimo disse...

A CPTM vai investigar imprudencia do garoto? Capaz! Quem utiliza este meio de transporte, alias TODO mundo sabe , até mesmo que não utiliza sabe da precariedade, da desorganização, dos atrasos e quebras diarias e da super lotação deste meio de transporte, junte-se a isto o stress e a falta de educação geral. e irão investigar a impudencia do rapaz? Certo vamos aguardar os proximos cairem e as investigações posteriores.
Um adendo TODA vez que esta tumultuo nao fica UM funcionário na plataforma: nem CPTM e nem terceirizado.
Renata Machado

Wallace Rodrigues disse...

Infelizmente!!! espera as pessoas morrerem para tomar uma ação,em quanto isso pagamos condução!! um valor fora do comum... sem segurança aos usuarios,até quando isso??

Anônimo disse...

Eu acho que para acabar com esse problema que acontece em varias estações,deveriam retirar os bancos dos trens e metrô,aliaz o metrô surgiu com essa ideia a uns meses atras,mas agora temos que priorizar isso devido ao acontecimento,alem do mais isso aumentaria o espaço interno nos vagões permitindo assim un numero maior de usuarios por composições,assento é para pessoas civilizadas que não é o caso,não digo de todos,mas a maioria dos usuarios do Metrô e da Ctpm,vamos nos unir para a retirada dos bancos nos trens e metrô.

Anônimo disse...

Acho que essa providência ja devia ter sido tomadas a anos, vocês foram levianos em relação a isso, o garoto tinha 15 anos e não tinha nem 60 kg, qual a probabilidade de ele ter sido imprudente?Quem foi imprudente foi os usuarios, tudo por causa de um assento e esse empurra-empurra sempre aconteceu, Pq depois de uma morte tem que tomar providência ...Nojo desse governo do Estado De São Paulo!

fmb disse...

eu como mulher fico indignada no metrô os homens maiores empurram pra sassar na frente, eu ja fiquei na plataforma quase uma hora tentando entrar, e os homens q tem mais força passando na frente,empurrando, plataforma cheia e cade a segurança?quanto aos trens eu não acredito que o menino tenha tido alguma culpa... acho que ninguém quer morrer assim...vc não precisa estar na frente para ser empurrado sem limite...vc simplesmente é prensado e levado...

Anônimo disse...

Investigar a imprudência do garoto???? Tem que investigar é a imprudência do governo do estado, do secretário de transportes e do presidente da CPTM, quem permitem estações super lotadas! Não serão barreiras que impedirão esse risco no embarque, serão gestores melhores que resolverão esse caos que vivem os transportes!

Janaina disse...

Eu também ja caí no vão, na Luz. Fui empurrada em meio à aglomeração. Só não fui parar nos trilhos pq sou gordinha e entalei na altura da cintura. Logo me puxaram. Mas fiquei bastante machucada.

Anônimo disse...

Ridiiiiiculo a cptm esperar um acidente dessa gravidade p tomar providencias!! Pior ainda é qerer investigar o rapaz por sua propria morte. Cptm... vamos acordar né. Nao sao dois ou tres guardinhas nas estaçoes qe fazem uma boa segurança e , infelizmente vcs constataram isso com a. morte desse jovem.

Anônimo disse...

A questão é: EDUCAÇÃO. Se aprende e traz de casa. Empresa de transporte não é pra educar, não digo que não presta um ótimo serviço, mas não há necessidade desse empurra-empurra pra tentar pegar um lugar, atropelando mulheres, idosos e, nesse caso fatal, criança. Vamos ter mais educação, brigar pelos nossos direitos, reclamar onde se deve, não apenas para os funcionários... que tentam fazer o que podem, mas sem respaldo das empresas e que, também, são grandes vítimas desse transtorno que é o transporte público de SP.

Anônimo disse...

O garoto estudava na minha escola, eu o conhecia, o velório foi hoje. O pior de tudo é que dizem que a família vai responder processo por abandono de incapaz, quando ele estava voltando do segundo dia de trabalho, abandono de incapaz. Vergonha.

Anônimo disse...

Meu amigo se foi e nada vai trazer ele de volta !espero que tomem providencias rapidas para que não venha acontecer com outras pessoas pois é muito horrível estar sentindo essa dor de perda de uma pessoa tão jovem e inocente!

Paulo Gutierrez disse...

As obras da CPTM são infinitas e nunca objetivas de acordo com as necessidades. Chega governo, vamos investir em segurança, saúde, educação e prevenção.

"Quando se trata de política, eu tenho vergonha de ser brasileiro"

Anônimo disse...

A página "São Paulo da Depressão" muito provavelmente a "pedido" do governo retirou a postagem sobre este acontecimento lamentável, encoberto pela midia televisiva de massa, pra proteger a incompetência de nossos governantes e a falta de uma ação eficiente sobre a brutalidade do "povo de bem" que se mata todos os dias irracionalmente por causa de um assento livre; mas eu pesquisei e consegui a reportagem na página do diário da CPTM, que é uma página independente que não tem nada a ver com a CPTM em si.
Bom, eu não retiro nada do que escrevi de tarde, e sei muito bem como são os monstros, ora "qualificados" de pais e mães de família, que se acotovelam e ferem (quando não matam) crianças, senhoras e senhores idosos e deficientes, na entrada dos vagões de trem, numa busca irracional por um banco livre. O que mais enoja (e me enoja há muitos anos) é saber que este povo da "quebrada" do "fundão" da Zona Leste de SP, enche o peito "de orgulho" dizendo que são trabalhadores "que pagam suas contas", que "tem carteira registrada", que são "sofridos"; se julgam cheios de direitos, porque afinal de contas são os "pobrezinhos" da Extrema Periferia, mas este mesmo povo, todo cheio de "qualidades", é o mesmo que cada um só olha para seu umbigo, que só pensa em "chegar logo no trampo", que até mata seus semelhantes, que até mata um filho de outro pai e mãe de família porcausa de conforto.
É o mesmo Zé Povinho que coloca o trabalho acima do amor, da fé, da solidariedade, da cidadania, do amor ao próximo, porque afinal de contas, o partido que eles elegeram é o "partido do trabalho", e o tal "trabalho" fica até acima de Deus, da humanidade, porque enfim, o partido que este povo vota, corrompe, usa de todos os artifícios, persegue opositores, compra (e cala) mídia, pra se manterem no poder...
Estes mesmos animais "tão sofridos", no fim do mês, não vão ao BRÁS pra comprar roupa e tênis barato, que nada, compram tênis de 500 reais, celular de quase 2 mil reais, boné de 200 reais, calça de 300 reais para imitarem seus "legítimos representantes" que nas músicas de rap contam as misérias da periferia, "do quanto são perseguidos pela polícia", que pregam a "humildade" e a cumplicidade da periferia, mas quando vendem algumas centenas de milhares de cópias, passam a andar de carrões, cordões de ouro, compram mansões, mas olha, eles sempre vão serem vistos como da periferia, da quebrada... É... o mesmo povo que pisoteia um menino que só queria entrar no trem e chegar em casa...
Tente como eu tentei algumas vezes em vão, falar sobre cidadania dentro de um trem da CPTM? Ou vc vira motivo de chacota no vagão inteiro, ou então é quase linchado...
Afinal de contas, este povinho tá na situação, tudo podem, nada pagam, porque são "coitadinhos", "sofredores trabalhadores" que acordam quase de madrugada para ir trabalhar "far, far away" de suas casas...
Tem até o "direito de matar" uma criança inocente porcausa de um assento livre...

Neide Affz disse...

Estou Muito triste essa conta do google é da minha mae Mas Eu Tenho 10 Anos ele estudava na minha escola E.E Vila Ercilia Algarve Dizem Que ele tinha ido trabalhar ou sair Quando cheguei na minha escola hj ela estava vazia quando Fiu no banheiro das meninas lá tinha varias coisas escritas nas paredes espelhos e outras coisas Dizendo "Luto,Luto Léo"," Fique Em Paz" Fiquei Muito Triste Com A Noticia E Não me conformo Com Isso!!

geison disse...

LEONARDO,saudades....citaram investigar provável imprudência sua,mas imprudente é o sistema metropolitano no caso cptm,o governo de são paulo não toma neuma atitude para evitar tumultos,super lotação,acidentes,para eles você é apenas mais um entre muitos que se foram,mas isso tem que parar temos que nos unirmos para que se tome providencia sobre isso. colocar barreiras de contenção pode ser uma solução,mas temos que cobrar deles menor intervalo entre um trem e outro,nas paradas de estações entrada e saída de passageiros pelo lado oposto e não pelo mesmos lado,mais conforto,que não quer dizer reduzir os assentos ,isso não é conforto é super lotar um vagão e transportar pessoas como animais. não entendo até hoje por que existe as plataformas cinco ,e oito da estação bráz, se não servem pra nada.só sai um trem, quando outro chega,é aí que tem a super lotação, na demora de um pra outro.isso sim é imprudência,de um sistema ultrapassado e precário,há,as pessoas não tem educação, assim dizem, mas as mesmas que usam o trem usam o metrô,não que o metrô seja lá 100%, mas é bem mais organizado.Então, são as pessoas ou o sistema precário da cptm ?

BDL disse...

va com Deus leo ,todos nos gostavamos muitos de voce e voce ficara na memoria de todos .

Anônimo disse...

infelizmente por causa de alguns meu amigo nao esta mais entre nos !
que a justiça seja feita ,
descance em paz leozinho .

Anônimo disse...

Quantas pessoas vão tem que morrer para ser feito alguma coisa?????Isso não vai dar em nada infelizmente
ele não é a primeira pessoa que morre ai e tbm não vai ser a ultima infelizmente esse é o Brasil !!!!!

Anônimo disse...

As barreiras vão melhorar a segurança com certeza, porém um fator de grande relevância é a completa falta de respeito dos usuários, quem e portador de necessidade especial é massacrado no momento do embarque, brasileiro é bonzinho? É muito pdp mesmo!

Anônimo disse...

Bom, eu tenho certeza que nao foi imprudencia do garoto até porque eu tambem pego trem todos os dias e sei como é! Ao inves de investigar se houve tumulto, ou se houve imprudenica, coloca esses Policiais ou investigadores para pegar trem em horario de pico tambem e vejam como é o inferno chamado CPTM!
Muito legal a familia do garoto, que teve uma perda que jamais sera sanada, ler que ainda cogitam a possibilidade de imprudencia dele. Acho que o governo deveria parar de pensar na propria imagem e pensar realmente na população!, Quantos mais terão que morrer para que percebam que deve agir?
Os filhos, netos, parentes de vocês não precisam pegar trem?

Espero que atitudes sejam tomadas!

Anônimo disse...

Eu só acho que vocês deveriam , tomar vergonha , pois nós pagamos para utilizar esse transporte, e sem segurança , vocês não sabem a dor de nós familiares , ele era tão bom , e não merecia isso , agora esperam as pessoas morrerem para tomar providencias , vocês não deviam tomar antes pois isso não é a 1ª ,2ª nem 3ª vez que aconteceu , e acho que se for pra depender de vocês isso vai acontecer muitas vezes , então tá na hora de tomar providencias , contra esses acidentes .

Anônimo disse...

Acho q não é só a CPTM a culpada,a falta de educação dos usuários são fora de serio,todas as primeiras portas tem desembarque realizado por funcionários da CPTM, as pessoas não respeita, mal espera os usuários sáir, se jogam feito loucos,quando vê o trem dando entrada na plataforma se penduram nas portas, acho que não é só a companhia a culpada.....

Anônimo disse...

AGORA ? ja era pra voceis ter feito isso Porque Os familiares dessas pessoas qe morrem Sofrem e demais , agora morreu o Léo ele era super querido firmeza e ainda com 15 anos ttudo pela frente tinha que viver a vida tinha tudo pela frente & voceis poderiam ter evitado (...)

By ; Barbara Radiante ;/

Anônimo disse...

Acho q não é só culpa da cptm, usuários não respeita,quando vê o trem dando entrada na plataforma, se joga e se pendura nas portas, todas as primeiras portas tem o desembarque, mesmo assim , se jogam na frente impossibilitando o desembarque dos passageiros, a falta de educação é enorme,acho que o povo deveria ter mais um pouquinho de educação tambem, claro que isto justifica o acontecido....

Aline Nobile disse...

Faço minhas suas palavras, não há necessidade de investigação alguma, quem utiliza a cptm todos os dias sabe exatamente oque ocorreu.

Ana Paula disse...

Concordo que as pessoas são totalmente desumanas e sem coração, pois a humanidade chegar ao ponto de matar uma pessoa para entrar em um trem é uma situação critica. Mas o que eu não entendo é que a CPTM implanta a linda linha amarela, a qual existem 2 portas, por segurança e praticamente não existe vão entre o trem e a plataforma, e nós, da Zona Leste o que ganhamos? Trens lixos, super lotação diaria, poucos trens nos horarios de pico, e ainda ver esse tipo de coisa acontecer. Nós não somos considerados seres humanos? Porque somos piores que os moradores do centro de SP? Mas a culpa é da população também, pois na hora de fazer greve por aumento de salário todo mundo faz, dinheiro paga essas vidas? Os universitarios da USP fazem protesto para a liberação da maconha, mas vão expremidos no trem todos os dias para a aula.... Alguem entende???

Anônimo disse...

" Agora qui eles si deu conta do problema esse garoto não foi o primeiro i nem vai ser o ultimo...Quem qui não vê qui nosso principal meio de transporte que utilizamos todos os dia está precario ...Na minha opinião todas estação com maior numero de passageiros como brás,luz,guaianazes tem qui ter essas barreiras ou mais quantas pessoas vai ter qui morrer ainda..cptm acorda isso é pra hoje...

Anônimo disse...

Tenho mais nojo é dessa cambada de animais que empurram, pisoteiam e agem como verdadeiros imbecis pra garantir um banco. Imprudência é a CPTM e o Governo não terem tomado medidas mais eficientes. Caramba, quantos mais vão ter que morrer pra enfiarem uma maldita barreira de contenção nessa droga de estação? Tinha que haver várias daquelas iguais às de agências bancárias, que fazem vários "L" e que só permitem a permanência de uma ou no máximo, duas pessoas, colocando a galera em fila para entrar no trem.

Anônimo disse...

O Léo jamais merecia isso ,ele era tão alegre nunca fez mal a ninguém :(

karen disse...

Imprudente? Quem foi imprudente? Uma empresa que só visa valores ou um adolescente que aguardava para embarcar numa estação de trem superlotada, que é um inferno no horário em que ele morreu? Um garoto que tinha toda a vida pela frente, teve a vida encerrada pela estupidez humana...Enfim, o fato deve ser apurado e os responsáveis penalizados.

Anônimo disse...

Nossa, lamentável a morte do garoto. Pode ter ocorrido uma falta de conhecimento de como é pegar trem no Brás, bem como ele pode ter pulado no estribo do trem que estava parando na plataforma. Quem pega diariamente o trem sabe que isso sempre acontece, e quem tem o mínimo de prudência, não fica ali vacilando na região das portas, pois os animais entram com tudo. Mas chega a ser patética a falta de conhecimento de alguns que citam portas na plataforma, etc. Seria apenas mais uma barreira para boiada. E outra, a distância entre as portas não é uniforme, então é uma medida impraticável.

Anônimo disse...

Tivemos que perder o léo para tomarem alguma atitude. Só a gente sabe a dor que estamos sentindo, tomare que essa situação melhore e que não venha acontecer mais mortes.

Anônimo disse...

Engraçado, o povo fala mal da companhia,mais usa o transporte, se o povo tivesse um pouco mais de educação e respeito , nada disto aconteceria,a linha 10 - RIO GRANDE DA SERRA tbm é no braz,mais prestem a atenção no comportamentos dos usuários que utiliza esta linha,nem operação desembarque precisa fazer,porque são pessoas civilizadas e educadas,se comportam como ser humano, em fim, quem não tem educação tem que usar um transpotre particular, assim n correm o risco de cair nos vãos trilhos......

Anônimo disse...

Além da incompetência da cptm e do governo do Estado, a falta de educação predomina, afinal, a pressa de assistir novela é mais importante e vale tudo pra chegar o mais cedo possível

Lala Vinhal disse...

Descanse em paz meu priminho Léo que vc esteja em bom lugar com o Senhor!!!

As notícias veiculadas acima, na forma de clipping, são acompanhadas dos respectivos créditos quanto ao veículo e ao autor, não sendo de responsabilidade do blog Diário da CPTM.
Observações:

  • Último trem do terminal de Jundiaí para Francisco Morato tem partida programada às 23h30.
  • A transferência entre linhas é garantida desde que o usuário esteja em sua última estação de transferência até as 00h. Para mais informações, confira o Regulamento de Viagem. ​​​​
De domingo a 6ª feira, das 4h à meia-noite, e aos sábados das 4h à 1h (sentido único, do centro de São Paulo para os bairros e municípios da Região Metropolitana).